O presidente Jair Bolsonaro participou hoje da cerimônia de ativação da 18ª e última turbina da Usina Hidrelétrica de Belo Monte em Vitória do Xingu, no Pará, a maior usina 100% brasileira, considerada a quarta maior do mundo.


Os estudos de viabilidade da usina começaram a ser feitos pela Eletronorte, em 1975. Estudos realizados nos anos 80, projetaram que a construção do empreendimento exigiria o deslocamento de 7 mil índios, de 12 terras indígenas.



Ao longo dos anos, várias etapas da construção foram paralisadas por decisões judiciais e questões relacionadas aos licenciamentos ambientais necessários. Em 1989, divergências sobre o impacto socioambiental da usina levaram à suspensão do financiamento da obra.